Sub-categorias

Notícia

"Nós somos os menos favoritos", diz selecionador nacional da Rússia

Presidente Putin pressiona e selecionador agradece preocupação.
Por Mário Morgado Ribeiro|17.06.17
"Não tivemos de ganhar nenhuma competição para estar aqui. Apenas vamos participar porque somos o país anfitrião. Das oito seleções, somos os menos favoritos." As palavras são de Stanislav Cherchesov, selecionador nacional da Rússia, que hoje (16h00, RTP) defronta a Nova Zelândia no jogo inaugural da Taça das Confederações, referente ao grupo A.

Vladimir Putin, presidente russo, colocou alguma pressão na seleção ao dizer que os adeptos esperam bons resultados. Cherchesov agradeceu a preocupação do chefe de estado. "É muito bom que o presidente se preocupe connosco. Significa que somos importantes para ele", referiu.

O técnico está confiante numa vitória frente à seleção neozelandesa. "Vai ser uma autêntica festa do futebol para todos e uma batalha para nós. Sabemos tudo o que nos possa permitir vencer amanhã [hoje] e vamos trabalhar para conseguir alcançar esse objetivo."


Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Desporto

pub