Sub-categorias

Notícia

Prenda dá festa no Dragão

Marega marcou dois, Brahimi outro e Marcano fechou, com recurso ao vídeo-árbitro.
Por Sérgio Pereira Cardoso|10.08.17
  • partilhe
  • 4
  • +
Goleada escrita à Mano. Uma oferta inacreditável do defesa do Estoril desbloqueou um FC Porto que até então estava preso nas amarras da ansiedade. Em vantagem, a equipa de Sérgio Conceição mostrou a sua melhor versão e deu um autêntico festival, conquistando uma goleada mais do que justa e que até contou com a estreia do vídeo-árbitro a validar o tento de Iván Marcano.

Veja o resumo do FC Porto 4 - 0 Estoril
Os dragões apresentaram-se com o onze que vem sendo habitual, mas Soares só resistiu 30’. O FC Porto mantinha a intensidade prometida, porém tremia na zona ofensiva. Ora, Marega entrou para o lugar de Tiquinho e... golo! Uma prenda de Mano no passe para Moreira: deixou a bola no maliano, que só teve de acertar na baliza.
Prenda dá festa no Dragão

Depois do intervalo, festim no menu do Dragão. Após muitos golos - bem - anulados e inúmeros falhanços de Aboubakar, Brahimi abriu o livro, começou e finalizou uma jogada genial. 2-0. Carreguem mais, pediu Sérgio Conceição. Sim, senhor, respondeu Óliver, que colocou a bola na cabeça de Marega - quem diria? -, que bisou. 3-0.

Pressão contínua sobre a bola, verticalidade, esférico rápido lá na frente. Marcano marcou o quarto de cabeça e o árbitro anulou. O vídeo-árbitro corrige: é golo. Atrás, a vida não ia tão bem, mas Casillas e o poste resolveram.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Desporto

pub