Fisco espanhol devolve dois milhões de euros a Ronaldo

Agência tributária justifica devolução com o facto de o craque ter pagado impostos a que não era legalmente obrigado.
Por Marta Ferreira|10.08.18
Cristiano Ronaldo tinha em mãos uma multa de 18,8 milhões de euros ao fisco espanhol. Tinha. Pois agora, a agência tributária decidiu devolver dois milhões de euros ao craque depois de ter considerado que o futebolista já tinha pagado esse valor em IVA pela transferência de seus direitos de imagem ao empresário Peter Lim sem ter a obrigação legal de o fazer. O objetivo desta operação era potenciar a presença da sua imagem em território asiático.

Segundo avança o jornal espanhol El Mundo, o madeirense fica agora com um total de 16,6 milhões de multa ao fisco. Cristiano já tinha desembolsado 13,4 milhões e deverá pagar o restante nas próximas semanas. 

De acordo com a agência tributária, Ronaldo deu a exploração dos seus direitos de imagem em Espanha em Dezembro de 2014 para as empresas Arnel Serviços, SA, e Adifore Finance, Ltd., ambas de Peter Lim, também proprietário de Valência, com sede nas Ilhas Virgens Britânicas.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!