Sub-categorias

Notícia

Presidente do PSG investigado por alegado suborno a secretário-geral da FIFA

Nasser Al-Khelaifi suspeito de pagar luvas a Jerôme Valcke para obter direitos televisivos dos Mundiais.
Por Lusa|12.10.17
  • partilhe
  • 1
  • +
A procuradoria federal suíça anunciou esta quinta-feira a abertura de processos criminais a Nasser Al-Khelaifi, presidente do Paris Saint-Germain, por alegados subornos em matéria de direitos televisivos nos Mundiais de futebol de 2026 e 2030.

O gabinete do procurador-geral suíço informou que a investigação diz respeito a subornos oferecidos ao antigo secretário-geral da Federação Internacional de Futebol (FIFA), Jerôme Valcke, no sentido de entregar os direitos ao grupo BeIN, propriedade de Al-Khelaifi.

No processo são visados "Jérôme Valcke, o director-executivo do Grupo BeIn Media Nasser Al- Khelaifi e um empresário ligado ao setor dos direitos desportivos", referem os procuradores federais suíços.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Futebol

Futebol

Invencíveis: os seis magníficos

Invencíveis: os seis magníficos

FC Porto e Sporting (Portugal), Barcelona e Atlético de Madrid (Espanha), Man. City (Inglaterra) e Inter (Itália) chegam a dezembro sem derrotas nas ligas internas.

pub