Pequena cidade de Saransk tenta caber no Mundial

Aeroporto só tem um tapete para malas. Táxi é barato, comida não.
Por Sérgio Pereira Cardoso e João Vaz|22.06.18
  • partilhe
  • 0
  • +
Ai vai para Saransk? Ui, boa sorte". A reação em Moscovo deixa perceber a estupefação de grande parte dos russos com a escolha da cidade, a 650 km a leste da metrópole e com cerca de 300 mil habitantes, como palco do Mundial.

Capital da República da Mordóvia, divisão federal, e que reúne diferentes grupos étnicos - falam-se mais idiomas além do russo -, Saransk tenta caber num fato acima da medida. Um investimento de perto de 500 milhões de euros tornou a cidade mais atrativa - a Arena é uma construção recente, tal como o são vários hotéis e as melhorias no aeroporto, que só tem um tapete para as malas.

No centro, vai-se fazendo a festa com folclore típico. Para lá chegar, o táxi é barato: uma viagem de 10 minutos fica por um euro. A comida nem tanto: uma refeição num restaurante fica acima dos 30 €, incluindo o café a 1,40 €. Uma água 0,20 l vale 1 euro.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!