Inês Herédia afirma que maternidade é a "melhor coisa do mundo"

Atriz diz que vontade de ser mãe surgiu com a descoberta da sua homossexualidade.
31.07.18

Inês Herédia afirmou que maternidade é a "melhor coisa do mundo".

A atriz acredita que a vontade de ser mãe surgiu quando percebeu que era homossexual, segundo avançou durante uma entrevista ao programa E-Especial, na SIC.

"Dos 14 aos 16 dizia que não queria ter (filhos), preferia adotar porque havia muitas crianças que não tinham pais. Mas depois comecei a desejar imenso, principalmente quando percebi que era homossexual. Percebi que ia estar privada disso. E quando percebes que não vais poder ter, é que se calhar queres", revelou.

Herédia avançou que apesar de nunca se ter manifestado muito sobre o desejo de ser mãe, sempre sentiu que seriam gémeos e que, no momento em que soube que estava grávida e a médica lhe disse que eram dois, começou "logo aos gritos, a chorar, foi uma alegria", rematou emocionada.

Casada com Gabriela Sobral desde fevereiro, Inês Herédia já sabe o sexo dos bebés mas optou por não o revelar publicamente.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!