Kim Kardashian marca reunião com Trump para discutir sentença de avó condenada

Empresária procura ajudar uma mulher condenada a prisão perpétua.
30.05.18
Kim Kardashian West tem uma reunião marcada com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, na Casa Branca. A socialite procura discutir o perdão de uma sentença de prisão perpétua de uma avó de 62 anos cujos crimes estão relacionados com droga. 

A estrela do reality show 'Keeping Up With The Kardashians' conheceu a história de Alice Johnson no Twitter e quis ajudá-la. Kim entrou em contacto com a conselheira da Casa Branca Ivanka Trump, que a direcionou para o marido e colega conselheiro Jared Kushner.

Alice Johnson é uma criminosa não violenta e foi condenada a prisão perpétua sem liberdade condicional. 

"Assim como todos os outros, podemos fazer escolhas nas nossas vidas das quais não temos orgulho e que não pensámos bem", afirma Kim Kardashian. 

Alice Johnson ajudou pessoas a vender droga através de mensagens para conseguir sobreviver.

"Eu sou apenas um dos milhares de infratores não violentos pela primeira vez que receberam penas de prisão obrigatórias e longas depois de cometer crimes sob dificuldades financeiras", admitiu Johnson à CNN.

Alice Johnson é mãe de cinco filhos e já cumpriu 21 anos de pena. A mulher, antes de ter sido presa, tinha-se divorciado, perdeu o emprego e viu um dos filhos mais novos morrer. 

"Cometi o maior erro da minha vida para sobreviver e me envolvi com pessoas que vendiam drogas", disse Johnson. 

Kim Kardashian contratou um advogado para defender Alice. 

Nas redes sociais tem circulado uma petição em nome de Alice Johnson onde é pedida clemência ao presidente dos EUA pelos crimes da condenada. 








pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!