Pais de Angélico recorrem de indemnização milionária

Familiares do cantor condenados a pagar 1,5 milhões de euros a sobrevivente do acidente.
Por Lusa|03.01.17

Os pais de Angélico Vieira vão recorrer da decisão que os condenou, juntamente com o Fundo de Garantia Automóvel, a pagar 1,5 milhões de euros de indemnização a uma das sobreviventes do acidente que matou o cantor e um amigo.

"Estamos a analisar a sentença, mas iremos recorrer para o Tribunal da Relação do Porto", disse hoje à Lusa o advogado Nuno Areias, que defende os pais do cantor na ação cível intentada por Armanda Leite.

A sentença do Tribunal Cível de Aveiro, consultada pela Lusa, considera que o cantor que conduzia a viatura sinistrada adotou uma "conduta culposa" que esteve na origem de um acidente, tendo em conta a velocidade "clara e manifestamente excessiva" que era imprimida ao veículo.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!