Sub-categorias

Notícia

Arrotos na escola chegam a Supremo Tribunal

Rapaz de 13 anos foi detido por interromper a aula.
16.05.17
O Supremo Tribunal dos EUA rejeitou ontem reabrir o caso de um adolescente de 13 anos que foi detido por interromper as aulas... com arrotos.

O insólito caso aconteceu no Novo México em 2011 e levantou questões quanto à conduta policial.

A mãe do menor apresentou queixa na altura contra a polícia, alegando que o filho foi detido ilegalmente, mas um juiz de primeira instância não lhe deu razão, fazendo com que ela recorresse para o Supremo.


Mais notícias

Mais notícias de Insólitos

pub