Jovem de 16 anos diagnosticada com menopausa

Foram precisos quatro anos para os médicos conseguirem perceber o que se passava com a adolescente.
27.05.18
Keeley Witham tinha cerca de 12 anos quando começou a ter os primeiros sintomas de que algo não estava bem. Enxaquecas, alterações de humor, aumento de peso, e desmaios diários eram apenas alguns dos primeiros sinais de uma condição que só foi devidamente diagnosticada aos 16 anos. 

Até então, a adolescente sofria com cansaço extremo e foi submetida a dezenas de exames, incluindo de gravidez, pelos médicos que levaram cerca de quatro anos a diagnosticar o problema. 

"Eu ainda nem sequer tinha a menstruação e todos os meus outros sintomas permaneciam. O meu médico chegou a sugerir que eu pudesse estar grávida", lembra a mulher, agora com 30 anos.

pub

pub