Pedro Trigueira nega ter sido corrompido

Guarda-redes do V. Setúbal diz que não teve contactos com ninguém ligado ao Sporting.
24.05.18
  • partilhe
  • 0
  • +
A propósito da notícia do CM do último sábado sobre as suspeitas, validadas na Justiça, que recaem sobre dois funcionários do Sporting e dois empresários ligados aos primeiros por alegado suborno ou tentativa de suborno a Pedro Trigueira, guarda-redes do Vitória de Setúbal, para que prejudicasse a sua equipa frente aos leões em jogos do campeonato e da Taça da Liga – motivo pelo qual estão indiciados pelo Ministério Público por corrupção desportiva –, recebemos de Pedro Trigueira o seguinte direito de resposta:

1. É falso serem das relações do aqui signatário os senhores Paulo Silva, João Gonçalves e André Geraldes.

2. Os anteriormente referenciados senhores nunca falaram direta ou indiretamente com o aqui signatário nem sequer lhe foram apresentados por terceiros ou aqueles a si se dirigiram nessa qualidade.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!