Sub-categorias

Notícia

GPS de cientistas: Dois mil em plataforma portuguesa

A rede GPS é uma iniciativa da Fundação Francisco Manuel dos Santos
Por Suely Costa|27.11.16
GPS de cientistas: Dois mil em plataforma portuguesa

Mariana Simões é cientista, tem 35 anos e há três vive na Alemanha. É no Instituto Max Delbrück, em Berlim, que investiga a regeneração cardíaca em peixe-zebra, um animal que tem a capacidade de se autorregenerar depois de uma lesão e que pode no futuro ajudar a desenvolver terapias em humanos após ataques cardíacos. Este é apenas um exemplo entre mais de dois mil cientistas registados na rede GPS – Global Portuguese Scientists – acabada de lançar. Esta plataforma online, da Fundação Francisco Manuel dos Santos, vai dar a conhecer quantos são, quem são, onde estão e o que fazem os cientistas portugueses espalhados pelo Mundo. O coordenador desta rede, David Marçal, garante que este pretende ser "um mapa da diáspora científica portuguesa". E já há dados curiosos como descobrir um cientista português a trabalhar no Polo Sul, na Antártida, ou saber que a maioria dos investigadores que trabalham no Médio Oriente são mulheres, o que para David Marçal é verdadeiramente "surpreendente". Além de funcionar como um geolocalizador de cientistas portugueses, o GPS é também uma rede social.lD  

BMW acredita no fim dos carros: BMW acredita que a indústria tem os dias contados, e que o tráfego vai diminuir, tudo por causa dos veículos elétricos, de condução autónoma e em plataformas de partilha.

Óculos para daltónicos: A Color Binoculars muda os tons das imagens para tornar as cores mais reais a daltónicos. Esta app aplica um filtro às imagens captadas pelo telemóvel do utilizador.  

Rede em todo o Mundo: A SpaceX quer lançar 4425 satélites para fornecer internet a todo o Mundo e a Google já deu mil milhões de euros para o projeto.

GLOBAL NET

Aranhas robóticas controladas por smartphone  

Estas   aranhas   têm   autonomia   de   uma   hora, são controladas pelo smartphone e juntam robótica, jogos e realidade aumentada. A empresa Reach Robotics aposta nos MekaMon para os jogos do futuro, já que entram em batalhas virtuais, em que podem ser usados mísseis e lasers.   Os   ‘maluquinhos’   dos   jogos   e   não   só podem também comprar peças, que ajudam a aranha   a   ‘evoluir’   e   a   ganhar   competências, noticia o The Verge. O MekaMon vai ser vendido   por   329   dólares   ou   599   dólares   (se   em pack especial com dois robôs). As primeiras 500 unidades estarão à venda em janeiro mas, uma vez esgotadas, só em junho o jogo voltará ao mercado.    

SOCIEDADE BIT, por Reginaldo Rodrigues de Almeida

Novembro   é   o ‘mês   da   ciência’, e várias são as   iniciativas em   Portugal. Uma   das   mais   originais   e úteis da verdadeira sociedade em rede em que vivemos - é a GPS (Global Portuguese Scientists),   esta   semana apresentada no Pavilhão do Conhecimento, por iniciativa   da   Fundação   Francisco Manuel   dos   Santos,   com coordenação de David Marçal e Carlos Fiolhais. Trata-

-se de uma plataforma digital   para   que   todos   possam saber quem são, onde estão e quais   são   os   percursos   dos cientistas portugueses pelo Mundo.   O   objetivo   é   incrementar   a   interação   entre   os cientistas   portugueses   e   a visibilidade da ‘marca’ Portugal   nas   redes   internacionais de emprego científico.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Domingo

Domingo

Soluções corta-fogos

Soluções corta-fogos

Começa a ser utilizada tecnologia para prevenir e combater incêndios em Portugal.

Domingo

As facturas da EDP

As facturas da EDP

Salários pagos aos gestores de topo são um dos motivos para os montantes elevados pagos pelos consumidores.

Domingo

As férias dos radicais

As férias dos radicais

Eis um roteiro de viagens e experiências para quem é apanhado pelo ‘bicho carpinteiro’ nas férias ou só consegue quebrar a rotina com emoções fortes.

pub