Sub-categorias

Notícia

Treinar o optimismo

Os optimistas geralmente sentem-se bem, o que é positivo em si mesmo.
Por Fernando Ilharco|14.01.18
Treinar o optimismo
Foto Getty Images

A investigação cientifica, por outro lado, tem indicado existirem motivos para se acreditar que ser optimista ajuda a ter sucesso na vida social e profissional. A questão importante, por isso, é se se pode ou não aumentar o optimismo? Se pode o optimismo, ou seja, o ter expectativas favoráveis sobre o futuro, ser treinado?

Um estudo sobre os estudos já realizados sobre o assunto acabou de ser publicado na revista científica ‘Journal of Positive Psychology’. A investigação da Universidade de Nova Inglaterra, na Austrália, concluiu positivamente: pode aumentar-se o optimismo. Em geral, as intervenções para subir o optimismo sobem-no mesmo. Além disso, a melhoria do optimismo tem uma relação clara com a melhoria da saúde mental e física. O optimismo tem sido relacionado com um sistema imunitário forte, com uma menor tendência para a depressão e com uma esperança de vida mais longa. No entanto, intervenções menos clássicas para tornar as pessoas mais optimistas, como por exemplo a privação sensorial ou dormir numa cama de pregos… não mostraram ser eficazes, refere o mesmo estudo.

O optimismo de cada um muda ao longo da vida, em função de vários factores como, por exemplo, a situação social, familiar ou profissional. Mas, em princípio, em qualquer altura pode aumentar-se o optimismo.

As ciências do comportamento têm indicado uma série de métodos: criação de objectivos difíceis, mas possíveis; visualização motivadora do desempenho futuro; posturas de confiança; meditação, etc. Nem tudo resulta com toda a gente e o tempo que as melhorias duram é variável. O método mais eficaz é o hábito. Habituarmo-nos a ter hábitos positivos é o caminho para aumentar o optimismo. Algumas sugestões: toque os outros, habitue-se a dar abraços, apertos de mão, palmadas nas costas; ande ao ar livre, passeie; gaste tempo com os outros, ajude; partilhe entusiasticamente as boas notícias, as suas e as dos outros; descontraia os músculos, pense na sua respiração por uns minutos, todos os dias; se é religioso reze, não é apenas a religião que o aconselha – a ciência também; durma o necessário, porque o cansaço desencadeia o pessimismo; desenvolva interesses, um projecto profissional, etc.; não veja problemas, veja oportunidades e aprendizagem; sorria e ria; planeie, mas não planeie demasiado; faça mesmo.

Estes comportamentos tendem a gerar benefícios imediatos, mas é o hábito que faz a diferença, que aumenta o optimismo em geral e nos faz viver melhor.

antiga ortografia

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Domingo

Escolhas

O inferno somos nós

O inferno somos nós

Woody Allen regressa com um filme na Coney Island dos anos 50 para abordar alguns dos seus temas favoritos

Domingo

“Não tenho uma guerra civil dentro de mim”

“Não tenho uma guerra civil dentro de mim”

António Manuel Ribeiro viu a sua vida virada do avesso quando Cristina, uma desconhecida, passou a segui-lo por todo o lado. O caso de ‘stalking’ durou décadas e foi o primeiro a ser julgado e condenado em Portugal. O cantor conta-o agora em livro.

Domingo

O fim da falta de cabelo

O fim da falta de cabelo

No futuro, os implantes capilares serão feitos por robôs e as células estaminais ajudarão à produção de novos fios

Domingo

Treinar o optimismo

Treinar o optimismo

Os optimistas geralmente sentem-se bem, o que é positivo em si mesmo.

Domingo

Eles superaram obstáculos que pareciam impossíveis

Eles superaram obstáculos que pareciam impossíveis

Os testemunhos de superação que se seguem são a prova de que há caminhos difíceis com finais felizes... ou menos difíceis do que se esperava. No início deste ano novo fomos beber inspiração à força de Diogo, André, Fernando, Susana, Brasilino e José

Domingo

Sair da casca

Sair da casca

Depois de meditar sobre as acusações de assédio sexual em Hollywood, interroguei-me: então e em Portugal?

pub