Sub-categorias

Notícia

Advogado diz que menina de 11 anos "abusada sexualmente" não é uma criança

Declarações estão a gerar polémica.
14.02.18
Um homem de 29 anos está a ser acusado de ter abusado sexualmente de uma rapariga de 11 anos. O francês foi ouvido, esta terça-feira, e as declarações dos seus advogados estão a gerar polémica.

A defesa do arguido alega que a rapariga consentiu o ato sexual, estando consciente do que fazia. "Ela tinha 11 anos e dez meses, quase 12 (...) Isto muda a história. Ela não é uma criança", disse em tribunal Marc Goudarzian, citado pelo The Guardian.

De acordo com os advogados do homem de 29 anos, os dois encontraram-se num parque e mais tarde a jovem acompanhou o arguido de livre e espontânea vontade até ao apartamento deste, onde tiveram relações sexuais. Por outro lado, os advogados da menina defendem que esta era muito nova e que se encontrava confusa.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!