Sub-categorias

Notícia

Presidente do Senado brasileiro julgado por desvio de dinheiro

Renan Calheiros está ainda acusado de uso de documentos falsos.
Por Lusa|01.12.16
  • partilhe
  • 0
  • +
Presidente do Senado brasileiro julgado por desvio de dinheiro
O presidente do Senado e do Congresso brasileiros, Renan Calheiros Foto Reuters

A maioria dos juízes do Supremo Tribunal Federal (STF) do Brasil decidiram esta quinta-feira que o presidente do Senado, Renan Calheiros, será arguido por peculato e desvio de dinheiro público.

Em cima da mesa, que reúne onze magistrados, estão também as acusações contra Renan Calheiros de falsidade ideológica e uso de documentos falsos, sobre as quais ainda não foi alcançada uma maioria até ao momento para uma tomada de decisão .

O caso remonta a 2007, quando Renan Calheiros foi acusado de receber subornos da Mendes Júnior para apresentar emendas que beneficiariam a empreiteira.

Em troca, a empresa terá pago a pensão de uma filha de Renan Calheiros.

O político terá adulterado documentos para justificar os pagamentos.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub