Sub-categorias

Notícia

Tribunal Superior da Catalunha reforça e entrega segurança à Polícia Nacional

Região prepara-se em antecipação a uma eventual declaração de independência.
Por Lusa|09.10.17

O presidente da mais alta instância judicial catalã ordenou que seja a Polícia Nacional espanhola, em substituição dos Mossos d'Esquadra, a liderar um dispositivo de segurança reforçado do tribunal, em antecipação a uma eventual declaração de independência.

Nos últimos anos, a proteção do Tribunal Superior de Justiça da Catalunha - a instância que emitiu as ordens judiciais, ignoradas por muitos Mossos d'Esquadra, que visavam impedir o referendo ilegal pela independência - coube precisamente à polícia regional catalã.

No entanto, o presidente do TSJC, Jesús Barriento, retirou na sexta-feira essa exclusividade aos Mossos, determinando que seria o Corpo Nacional de Polícia (CNP), uma unidade da Polícia Nacional espanhola, a liderar o dispositivo para garantir a segurança da instância, tanto dentro, como fora do edifício, no centro de Barcelona.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub