Conheça a mulher que já salvou 15 mil meninas em África

Queniana foi nomeada como uma das pessoas mais influentes do mundo pela revista TIME.
09.08.18

Nice Nailantei Leng’ete, de 27 anos, é uma habitante do Quénia e foi nomeada pela revista TIME como uma das pessoas mais influentes do mundo.

A mulher já salvou cerca de 15 mil meninas da mutilação genital em África.

Ao falar do trabalho que tem feito pelas jovens africanas, Nice explica emocionada que escapou à mutilação quando era mais nova porque se "escondeu e fugiu".

Até hoje esta mulher já evitou que muitas jovens sofressem de mutilação genital e está a trabalhar para que, em África, se acabe com o casamento infantil e a mutilação genital feminina até 2030.

Para os Massais, grupo étnico africano, as mulheres só são consideradas mulheres caso se submetam à mutilação genital.

As jovens entre os 10 e os 12 anos são submetidas a este processo e a partir daí, segundo este grupo étnico, estão prontas para casar e ter filhos.

"Eu vi dor. Eu vi a morte. Desde os meus 7 anos que assisto a este tipo de cerimónias na minha comunidade com raparigas a serem submetidas a isto", disse Nice.

Nice Nailantei Leng’ete foi a primeira menina da sua aldeia no Quénia a fugir à mutilação genital e foi também a primeira a conseguir continuar os estudos.

A história de Nice motivou outras jovens a quererem seguir o seu exemplo e cerca de 15 mil já terão seguido o caminho de uma das pessoas mais influentes do mundo segundo a revista TIME.

"O que me move é a paixão", assume Nice.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!