Sub-categorias

Notícia

Dirigentes sérvios criticam absolvição do ex-chefe de guerra bósnio Naser Oric

Naser Oric, 50 anos, e o seu companheiro de armas, Sabahudin Muhic, 49 anos, foram declarados inocentes do assassínio de três prisioneiros sérvios.
Por Lusa|09.10.17
  • partilhe
  • 0
  • +
Os dirigentes sérvios criticaram esta segunda-feira a absolvição do chefe de guerra bósnio Naser Oric, julgado por crimes de guerra quando dirigia a defesa do enclave muçulmano de Srebrenica.

Naser Oric, 50 anos, e o seu companheiro de armas, Sabahudin Muhic, 49 anos, foram declarados inocentes do assassínio de três prisioneiros sérvios nos arredores de Srebrenica, no decurso da guerra civil na Bósnia-Herzegovina (1992-1995) que provocou cerca de 100 mil mortos.

Após o anúncio do veredito no Tribunal de Estado da Bósnia, Oric era esperado à saída por algumas dezenas de pessoas que o saudaram. "Não tenho nada a dizer, o tribunal disse o que tinha a dizer", assinalou.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub