Sub-categorias

Notícia

“É absurdo eleger quem está na prisão”, diz Rajoy

Primeiro-ministro espanhol garante que nova vitória independentista não provocará queda do governo.
Por Ricardo Ramos|15.11.17
  • partilhe
  • 4
  • +
O primeiro-ministro espanhol Mariano Rajoy disse ontem que os líderes independentistas catalães estão" politicamente inabilitados" e que seria "um absurdo" eleger pessoas "que estão na prisão". Garantiu ainda que uma nova vitória separatis- ta nas eleições autonómicas da Catalunha não provocará a queda do seu governo.

Apesar de reconhecer que Carles Puigdemont e os restantes membros do governo catalão destituído são livres de se candidatarem às eleições porque ainda não foram condenados pela Justiça, "seria um absurdo" que fossem eleitos porque não poderiam exercer as suas funções, uma vez que muitos deles se encontram detidos preventivamente.

"Politicamente, já estão todos inabilitados aqueles que enganaram a Catalunha, que mentiram às pessoas, que disseram que não ia acontecer nada e que agora vêm dizer que não estavam preparados", disse Mariano Rajoy em entrevista à Cadena Cope.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub