Sub-categorias

Notícia

Escutas de Obama a Trump sem provas

Agência de espionagem não recebeu pedido para fazer averiguações.
Por Francisco J. Gonçalves|09.03.17
  • partilhe
  • 0
  • +
O Congresso dos EUA afirmou ontem não ter qualquer prova que confirme as alegações do presidente Donald Trump de que foi espiado pelo antecessor na Casa Branca, Barack Obama, durante a campanha presidencial de 2016.

O líder republicano no Senado, Mitch McConnell, remeteu explicações para o comité dos serviços de informações da Câmara de Representantes. "O comité está a verificar todos os aspetos do que terá sido feito no passado ano relativamente aos russos e à campanha", disse McConnell. Pelo seu lado, Devin Nunes, responsável do referido comité, afirmou, sobre as alegadas escutas: "Até agora, não temos qualquer prova".

Ainda assim, defendeu Trump e acusou a Imprensa de "tomar à letra" o que o presidente diz. Em sua opinião, Trump só colocou uma questão sobre a possibilidade de ter sido espiado.

Contudo, o responsável de Imprensa da Casa Branca, Sean Spicer, reiterou as acusações e garantiu que Trump não retira o que disse: "Por que iria fazê-lo se nada ainda foi investigado?".

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub