Sub-categorias

Notícia

EUA e especialistas suspeitam que ciberataque em curso veio da Coreia do Norte

Código do programa malicioso é semelhante ao usado em ataques anteriores.
Por Lusa|16.05.17
EUA e especialistas suspeitam que ciberataque em curso veio da Coreia do Norte
Ciberataques Foto Sérgio Lemos
Funcionários dos serviços de informações dos Estados Unidos e especialistas do setor privado suspeitam que piratas informáticos de Pyongyang estão por detrás do ciberataque mundial que afetou cerca de 300 mil computadores, noticiou o New York Times.

O jornal norte-americano indicou que alguns dos códigos utilizados pelo vírus 'WannaCry' coincidem com os utilizados em ataques informáticos norte-coreanos passados, como o de 2014 à empresa Sony, apesar de não ser uma prova definitiva do envolvimento de Pyongyang, já que piratas de outros países podem ter copiado o método.

A empresa californiana de segurança informática Symantec identificou numa versão de 'WannaCry', o código dos ataques ao banco central do Bangladesh em 2016, a bancos polacos no início do ano ou à Sony Pictures Entertainment em retaliação pelo filme "The Interview", uma sátira do líder norte-coreano, Kim Jong-un.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub