Sub-categorias

Notícia

Gangue corta mãos a carteiristas

Sete pessoas foram vítimas de um grupo anti-ladrões.
Por Joana Lobão e Daniela Espírito Santo|19.10.16
Gangue corta mãos a carteiristas
Gang corta as mãos a carteiristas Foto Direitos reservados

Cinco homens e uma mulher foram encontrados com as mãos cortadas na região mexicana de Jalisco. Uma sétima vítima foi declarada morta no local e junto ao corpo estava um cartaz escrito à mão onde se podia ler que aquele era o castigo para quem roubava ou para quem maltratava mulheres e crianças.

O grupo de carteiristas foi espancado, amordaçado e mutilado por um gangue autodenominado, "Grupo Elite Anti Ratas", que se pode traduzir como "Anti Ladrões".

As vítimas foram encontradas pela polícia com os pés atados, seminuas e com dois sacos plásticos ao lado que continham as mãos decepadas dos alegados carteiristas.

Os supostos ladrões foram transportados para os hospitais da área metropolitana de Guadalajara. Por se encontrarem em estado de choque não conseguiram prestar declarações às autoridades.

O gangue recorreu a lâminas para mutilar o corpo das vítimas, onde escreveu expressões como "Sou um ladrão".

As autoridades estão a investigar os crimes e não afastam a hipótese das vítimas terem sido raptadas antes de terem sido mutiladas.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub