Sub-categorias

Notícia

Justiça ordena apreensão de urnas de voto para referendo na Catalunha

Ministério Público pede ação à polícia para impedir consulta separatista.
Por Francisco J. Gonçalves|13.09.17
  • partilhe
  • 0
  • +
A Justiça da Catalunha ordenou ontem à polícia daquela região autónoma espanhola que apreenda as urnas de voto e todo o material destinado a realizar o referendo separatista de 1 de outubro, ilegalizado pelos tribunais. O Tribunal Constitucional deu novo passo no combate ao referendo ao suspender ontem a lei de rutura com Espanha aprovada pelo parlamento catalão.

O Ministério Público da Catalunha exigiu ontem a apreensão de "todas as urnas de voto, impressos eleitorais, manuais de instruções para os membros das assembleias de voto, propaganda eleitoral" e todos os outros materiais "para promoção e realização do referendo ilegal".

Apesar destas medidas e da decisão do Constitucional, o governo da Catalunha, liderado por Carles Puigdemont, insiste que "só obedecerá ao parlamento catalão" e não aos tribunais.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub