Sub-categorias

Notícia

Lusodescendente assassinado a tiro

Foi atingido na cara, pescoço e costas.
Por Daniela Rebouta e Hugo Real|09.10.17
Um comerciante lusodescendente foi morto a tiro na localidade de Ocumare na Venezuela. Juan Adriano da Silva Marques foi atacado por quatro homens armados que tentaram roubar-lhe o camião, mas sem sucesso.

A vítima, de 31 anos, regressava de uma viagem ao interior do país, onde foi comprar maçarocas, quando foi intercetada por quatro homens. Os assassinos, a bordo de duas motos, tentaram que Juan Marques parasse o camião para o tentarem assaltar, mas sem sucesso.
Dispararam contra ele, acabando por o atingir na cara, pescoço e costas. Um amigo do comerciante, que também se encontrava no veículo, acabou por sofrer vários ferimentos e encontra-se hospitalizado.

O clima de violência que se vive na Venezuela tem atingido inúmeras vezes a comunidade portuguesa. Em maio, um português de 55 anos e a filha, de 24, foram mortos por três homens, durante um assalto à mão armada na sua residência.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub