Sub-categorias

Notícia

Mata sogra e confessa crime nas redes sociais

Homicida entregou-se às autoridades.
14.09.17

Uma mulher de 63 anos foi morta com um tiro na cara esta quarta-feira em Guajará-Miriam, no Brasil. O crime foi cometido pelo genro que confessou tudo nas redes sociais e entregou-se à Polícia Civil algumas horas depois do homicídio.

De acordo com o G1, o crime aconteceu pelas 19h00 na casa na vítima. Várias testemunhas garantiram ao site brasileiro que o homem chegou numa moto, pegou na arma e deu um tiro na sogra à queima-roupa. Em seguida, acelerou e fugiu.

A vítima ainda foi socorrida mas acabou por morrer no hospital.

Posteriormente, o suspeito partilhou no Facebook uma publicação a confessar o crime. No texto, o homem alega que foi traído pela ex-mulher, filha da vítima, durante sete anos e que a sogra o iludia em relação a uma suposta reconciliação que nunca aconteceu.

Algumas horas depois do crime, o homem ligou para as autoridades, identificou-se e disse que queria entregar-se. Os polícias deslocaram-se até ao local onde o homicida estava, prenderam-no e apreenderam a arma usada para matar a mulher.

Segundo a Polícia Civil, o homem confessou o crime durante o depoimento na esquadra e revelou ainda que tentou suicidar-se depois de matar a sogra mas o disparo acabou por atingir-lhe a mão esquerda.

O homem aguarda agora julgamento em prisão preventiva.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub