Sub-categorias

Notícia

Menino de três anos morre esquecido na carrinha da creche

Criança esteve fechada no veículo ao sol cerca de 11 horas.
Por Pedro Zagacho Gonçalves|09.08.17

Um menino de três anos morreu depois de ter sido abandonado por uma educadora de infância dentro da carrinha de transporte de uma creche, que ficou ao sol todo o dia. Myles Hill, natural de Orlando, na Florida, esteve 11 horas fechado no veículo. Só foi encontrado à noite, já sem vida, ainda dentro da carrinha.

A carrinha de transporta de creche de Myles, a Little Miracles Aacademy, tinha ido buscar o menino a casa. O veículo parou noutra creche do mesmo grupo e deixou todas as crianças exceto Myles. A funcionária continuou o caminho para a outra creche e saiu da carrinha sem  retirar o menino do interior.

Só pelas 20h30 desse dia a avó estranhou a demora da entrega do neto em casa e ligou àa creche, que acabou por descobrir o corpo do menino ainda dentro da carrinha.

"Acreditamos que o Myles esteve na carrinha, sob um calor abrasador, desde as 09h00", esclareceu o chefe da polícia de Orlando, John Mina. Já foi aberta uma investigação ao caso. As temperaturas em orlando, nesse dia, foram superiores a 35 graus.

Caso a autopsia ao corpo de Myles prove que o menino morreu de um golpe de calor, a educadora responsável enfrentará acusações criminais.

Uma inspeção feita àquela creche há menos de um mês apurou que o sistema de transportes daquele estabelecimento apresentava vários problemas: não havia registo das horas de partida e chegada das crianças nem dos locais onde a carrinha devia ir buscar cada um dos menores.

"Quando deixamos uma criança com alguém, essa pessoa tem a responsabilidade de garantir o seu bem-estar. Se tinha seis crianças na carrinha, só tinha que garantir que as seis crianças saíam!", defende a tia de Myles.

Todas as creches do grupo estão fechadas enquanto decorrem as investigações.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub