Sub-categorias

Notícia

Morreu a menina com doença rara que a fazia envelhecer oito vezes mais rápido

Lucy sofria de Progéria, um síndrome que provocava o envelhecimento precoce do seu corpo.
11.01.18
Lucy Parke, a menina de oito anos que ficou conhecida por todo o mundo por ter uma doença genética rara que provoca o um envelhecimento precoce, morreu no passado dia 1 de janeiro.

A criança sofria do síndrome de Hutchinson-Gilford, mais conhecido por Progéria, uma condição de saúde que só afeta uma em cada oito milhões de pessoas. Até ao momento, conhecem-se apenas cerca de 100 casos desta doença em todo o mundo.

De acordo com especialistas da saúde, esta doença faz com que as crianças envelheçam oito vezes mais rápido, o que diminuiu a sua esperança média de vida. Na maioria dos casos, a criança não chega a atingir a adolescência. Até ao momento, ainda não foi descoberto qualquer tratamento eficaz para a doença.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!