Sub-categorias

Notícia

Desvenda mistério de flores na sepultura do irmão há 70 anos

Todos os anos um homem desconhecido prestava homenagem na campa do menino que morreu com 12 anos.
13.11.17

Karl Smith morreu quando tinha apenas 12 anos, durante uma viagem com o grupo de escuteiros, em 1947. A família do rapaz, notou que eram deixados regularmente flores e poemas no jazigo que está perto da cidade de Cheltenham, Inglaterra. 

A irmã do rapaz, Ann Kear, deixou um apelo para encontrar a pessoa que homenageava o irmão há mais de 70 anos. Uma investigação da BBC permitiu chegar ao contacto com o homem que ia ao cemitério visitar a sepultura de Karl Smith. 

O homem, Ronald Seymour-Westborough, era um antigo amigo de infância, que esteve presente na viagem onde o rapaz morreu. Ronald contou à família que partilhou a tenda no acampamento de escuteiros na noite anterior à morte do amigo e que foi ele que o encontrou morto no mar. 

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub