Sub-categorias

Notícia

Pastor violava menina de cinco anos em templo

Homem foi preso e expulso da sua confissão religiosa.
Por Domingos Grilo Serrinha, correspondente no Brasil|15.10.16
Pastor violava menina de cinco anos em templo
Foto Getty Images
Um pastor evangélico de 54 anos foi expulso da sua confissão religiosa e preso na cidade brasileira de Montes Claros, no norte do estado de Minas Gerais, por violar uma menina de apenas cinco anos. O caso foi descoberto depois de os pais da criança encontrarem desenhos em que a filha, que sempre teve jeito para desenhar, representava o pastor com o pénis ereto para fora das calças.

João da Silva, pastor secundário no templo onde a polícia brasileira diz que as violações ocorreram, começou a dar aulas de inglês à menina em julho do ano passado. Inicialmente entusiasmada com as aulas, a criança quis depois deixar de as frequentar, alegando que o "tio João fazia bobagens com ela", como relatou a inspetora do caso, Karine Maia, e começou a apresentar um comportamento estranho quando estava na presença de homens, incluindo o pai, o que chamou a atenção.

Levada a uma psicóloga, esta suspeitou que a criança tinha sofrido algum tipo de violência e aconselhou os pais da menor a procurarem nos pertences dela alguma coisa que pudesse dar uma pista do que tinha acontecido. A busca deu certo e foram encontrados vários desenhos feitos pela criança em que um homem aparecia em posições sexuais, ele sempre a rir e a menina sempre a chorar.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub