Polícia adota bebé de grávida toxicodependente

Agente conheceu mulher quando foi chamado após um alegado roubo.
13.01.18

Um polícia adotou a bebé de uma grávida toxicodependente que conheceu ao ser chamado após um alegado roubo numa bomba de gasolina no Novo México, nos EUA.

Ao programa de TV Today Parents, Ryan Holets contou o que aconteceu no dia 23 de setembro de 2017. "Quando saí do carro para ver o que se passava olhei para a esquerda e vi um casal num banco ao lado da bomba de gasolina e vi que eles estavam curvados, a prepararem-se para injetar heroína", começa por contar o agente.

Ao aproximar-se do casal, Ryan percebeu que a mulher estava grávida. "A minha primeira reação foi de raiva. Disse-lhe que isso poderia matar o bebé", admite.

Depois de se acalmar, o agente falou com a mulher, de 35 anos, e percebeu que esta estava no final da gravidez e desesperada por encontrar alguém que quisesse ficar com o bebé para este ter uma família e uma vida estável, ao contrário da dela.

"A Crystal Champ é um ser humano e estava ali, sentada na minha frente, com uma vida preciosa dentro dela, com a qual se preocupava e isso tocou-me", confessa Ryan.

Foi aí que Ryan teve uma ideia. Ele e a sua mulher planeavam adotar um bebé e ali estava a oportunidade perfeita de aumentar a família a ajudar aquele bebé a ter uma vida melhor.

Ryan admite que pensou apenas durante alguns segundos antes de fazer a proposta a Crystal. A grávida disse que precisava pensar no assunto e o agente falou com a mulher, que confirmou ser recetiva à ideia.

Uma semana e meia depois do primeiro contacto, Crystal concordou em dar o bebé a Ryan.

A bebé nasceu a 12 de outubro de 2017, cerca de um mês antes do previsto e foi registada como Hope Holets. A família só pode levar a menina para casa uma semana e meia depois do nascimento pois esta estava a "ressacar" das drogas ingeridas pela mãe.

O casal já tinha quatro filhos entre as quais uma bebé de apenas alguns meses.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!