Sub-categorias

Notícia

Porta-aviões que Trump mandou para a Coreia afinal ia caminho da Austrália

Foto da armada americana na Indonésia causa embaraço na Casa Branca.
Por J.C.M.|18.04.17
A tensão entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos teve um episódio relevante nos últimos dias, quando a administração Trump anunciou o envio do porta-aviões nuclear Carl Vinson para o Mar do Japão, no raio de alcance do país de Kim Jong-un.

No entanto, soube-se esta terça-feira que, afinal, o porta-aviões - e os quatro outros navios que o acompanham - estava, no momento desse anúncio, a navegar na direção contrária, ou seja, em direção à Austrália, onde era esperado para um exercício naval, conta o New York Times.

A Casa Branca, disse esta terça-feira que a informação comunicada se baseou em informações do Departamento de Defesa, que agora se apurou serem erróneas. 
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De ComePito19.04.17
    As maiores forças armadas do mundo, como diz o Trump, nas suas mãos são um brinquedo pouco sério. É tudo muito mau, muito tweetado com esta casa branca. É só bizarrias umas atrás das outras.
1 Comentário
  • De ComePito19.04.17
    As maiores forças armadas do mundo, como diz o Trump, nas suas mãos são um brinquedo pouco sério. É tudo muito mau, muito tweetado com esta casa branca. É só bizarrias umas atrás das outras.
    Responder
     
     0
    !

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub