Sub-categorias

Notícia

Procuradores podem abandonar Lava Jato

Responsáveis pela investigação ameaçam demitir-se se Senado aprovar emendas.
Por Domingos Grilo Serrinha, correspondente no Brasil|02.12.16
Procuradores podem abandonar Lava Jato
Rodrigo Janot (à esq., com o líder do Senado, Renan Calheiros) mostrou-se “perplexo” com a atuação dos deputados Foto Reuters
Os procuradores da operação Lava Jato ameaçaram ontem abandonar a investigação, a maior contra a corrupção jamais realizada no Brasil, se não forem anuladas as alterações de última horas introduzidas, quarta-feira, pelo Parlamento e que esvaziaram o pacote de medidas anticorrupção aprovado dias antes.

"Fica claro, com a aprovação desta lei, que a continuidade de qualquer investigação sobre poderosos, sobre parlamentares, sobre políticos, cria riscos pessoais para os procuradores. Nesse sentido, a nossa proposta é renunciar coletivamente", afirmou o procurador Carlos Fernando dos Santos Lima, coordenador da Lava Jato.

Este referia-se a uma emenda incluída pelos deputados no pacote anticorrupção, que limita drasticamente a atuação do Ministério Público e da Justiça e pune com prisão promotores, procuradores e juízes que supostamente ajam por interesses políticos ou cometam abusos.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub