Reino Unido acusa agentes russos de ataque a ex-espião

Polícia identifica agentes do GRU que envenenaram Sergei Skripal.
Por Ricardo Ramos|06.09.18
  • partilhe
  • 0
  • +
A polícia britânica divulgou ontem os nomes e rostos dos dois alegados agentes russos que envenenaram o ex-espião Sergei Skripal e a filha com o agente tóxico Novichok na localidade de Salisbury, em março
.
Os dois suspeitos foram identificados como Alexander Petrov e Ruslan Boshirov e serão ambos agentes do GRU, os serviços de informações militares russos. Chegaram a Londres no dia 2 de março num voo proveniente de Moscovo e ficaram instalados num hotel na zona leste da capital britânica, onde foram detetados vestígios de Novichok. Viajaram duas vezes de comboio até Salisbury, a primeira numa missão de reconhecimento e a segunda para vaporizar o veneno, disfarçado num frasco de perfume, na porta da casa do ex-espião russo.

Regressaram a Moscovo no dia 4 de março, o mesmo dia em que Skripal e a filha foram encontrados inconscientes num banco de jardim. Ambos estiveram em coma várias semanas.
"Esses nomes não nos dizem nada", garantiu ontem um porta-voz do Kremlin.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!