Relatório denuncia 3.677 abusos sexuais desde 1946 cometidos por elementos da Igreja

Conferência Episcopal Alemã encomendou o relatório interno.
12.09.18
  • partilhe
  • 3
  • +
Um relatório encomendado pela Conferência Episcopal Alemã e revelado pela revista semanal alemã Der Spiegel aponta para a existência de 3.677 casos de abusos sexuais em menores de idade, a maioria homens, cometidos por 1.670 clérigos e padres da Igreja Católica entre 1946 e 2014 na Alemanha. 

Questionado sobre o relatório, um porta-voz da Conferência Episcopal disse à agência Reuters: "Estamos a investigar o assunto".

A Igreja Católica, que tem mais de 1,2 bilhão de adeptos em todo o mundo, lutou nos últimos anos contra vários relatos de abuso sexual por parte do clero que prejudicaram sua autoridade moral e criaram uma crise no seio da Igreja.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!