Sub-categorias

Notícia

Temer acusado de corrupção, obstrução à justiça e organização criminosa

O Procurador-geral da República Rodrigo Janot pediu a abertura de um inquérito contra o presidente brasileiro.
19.05.17
O procurador-geral da República do Brasil, Rodrigo Janot, acusou o presidente Michel Temer de corrupção passiva, obstrução à justiça e organização criminosa.

O Presidente do Brasil, Michel Temer, e o senador afastado Aécio Neves atuaram em conjunto para impedir o avanço das investigações de corrupção da Operação Lava Jato, anunciou o Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot.

A acusação consta no documento que a Procuradoria Geral da República (PGR) dirigiu ao Supremo Tribunal Federal (STF) e que está na origem na abertura do inquérito contra o chefe de Estado brasileiro.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub