Sub-categorias

Notícia

União Europeia e Nações Unidas defendem o direito à terra para acabar com a fome

Comité de Segurança Alimentar Mundial da ONU aprovou, há cinco anos, diretrizes voluntárias de apoio à implementação de normas em diferentes países.
Por Lusa|10.10.17
  • partilhe
  • 0
  • +
A União Europeia e o Fundo da ONU para a Alimentação e a Agricultura (FAO) defenderam esta terça-feira o direito à posse de terra das comunidades locais de forma a erradicar a fome e a pobreza nos países em desenvolvimento.

O Comité de Segurança Alimentar Mundial da ONU aprovou, há cinco anos, diretrizes voluntárias para a governança responsável da posse de terra, pesca e florestas e desde então já foram lançados 225 programas de apoio à implementação dessas normas em diferentes países.

As diretrizes representam um passo "particularmente importante" para os povos indígenas, os pastores, os pescadores, os agricultores sem terra e ainda para as mulheres, uma vez que reconhecem os direitos dos pequenos produtores, disse o diretor geral da FAO, José Graziano da Silva.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Mundo

pub