Sub-categorias

Notícia

Papéis do Panamá

António Jaime Martins

Papéis do Panamá

Offshores carecem de regulamentação internacional que nunca será criada.
  • 1
  • 0
Por António Jaime Martins|10.04.16
  • partilhe
  • 0
  • 1
Esta semana fomos todos assolados pelo escândalo das offshores criadas pela Mossack Fonseca para bilionários espalhados por esse mundo fora. Uma offshore é uma espécie de "segredo comercial" como o segredo bancário. Mas tal como o segredo bancário é quebrado quando existem suspeitas de branqueamento de capitais, de fraude fiscal ou de outros ilícitos, o mesmo devia acontecer com as offshores. Mas não acontece. A não ser claro quando há um ‘paper’ qualquer.

As offshores carecem de regulamentação internacional que nunca será criada. O fenómeno perdurará enquanto existirem praças financeiras, paraísos fiscais, economias e governos que vivam à custa da sua existência. E por cá? Quando as cobradoras internacionais compram as dívidas das famílias portuguesas aos Bancos, o capital vem de onde? A venda é previamente autorizada pelo Banco de Portugal? Que motivo existe para que os contribuintes não possam conhecer o preço da venda? Por que razão não tem o ex-cliente do Banco a possibilidade legalmente reconhecida de amortizar a sua dívida pelo preço da venda? Há muitas formas de gangsterismo financeiro internacional. E nós por cá andamos convenientemente míopes.
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De tojornais10.04.16
    Principais culpados de offshore, governos banqueiros bancos e seus derivados. Ninguém vai fazer leis para acabar com esta praga pois assim acabavam-se os negócios escuros e os políticos e amigos jamais podiam receber luvas dos negócios mafiosos que fazem. Petróleo diamantes droga prostituição armas e outros bens como seriam vendidos e se criavam as fortunas. Vejam só no armamento o dinheiro sujo que se movimenta e na droga. Vejam só se saíssem leis para abortar estes negócios, o desemprego.
1 Comentário
  • De tojornais10.04.16
    Principais culpados de offshore, governos banqueiros bancos e seus derivados. Ninguém vai fazer leis para acabar com esta praga pois assim acabavam-se os negócios escuros e os políticos e amigos jamais podiam receber luvas dos negócios mafiosos que fazem. Petróleo diamantes droga prostituição armas e outros bens como seriam vendidos e se criavam as fortunas. Vejam só no armamento o dinheiro sujo que se movimenta e na droga. Vejam só se saíssem leis para abortar estes negócios, o desemprego.
    Responder
     
     0
    !

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)