Para onde vai a Europa?

Fernando Medina

Para onde vai a Europa?

Há quem tenha feito toda uma carreira política manipulando e agitando preconceitos sobre povos e regiões num espaço como a Europa, que se quer comum.
  • 0
  • 0
Por Fernando Medina|29.03.17
  • partilhe
  • 0
  • 0
Já muito foi dito sobre as declarações do presidente do Eurogrupo sobre a forma como os países do sul da Europa gastam o seu dinheiro. Mas a verdade crua é que o ainda ministro holandês limitou-se a dizer em voz alta o que pensam responsáveis de vários governos do centro e norte da Europa e das instituições europeias.

Há quem tenha feito toda uma carreira política manipulando e agitando preconceitos sobre povos e regiões num espaço como a Europa, que se quer comum. A resposta à crise financeira é disto exemplo flagrante, pois a base de sustentação das políticas está ainda hoje nos julgamentos morais do norte sobre o sul.

Muito se tem falado sobre a xenofobia e o radicalismo de franjas políticas em crescimento, mas o populismo de "rosto soft" de alguns dos principais políticos europeus tem causado danos bem mais profundos à unidade da Europa. Wolfgang Schäuble, o poderoso ministro alemão das Finanças, é também dos políticos mais populares do seu país precisamente porque tem construído a sua reputação numa intolerável (e totalmente injustificada) superioridade moral sobre os países do sul.

No momento em que se comemoram os 60 anos do Tratado de Roma, é certamente importante relembrar o extraordinário êxito que é o projeto da construção europeia. Se algo sintetiza bem este êxito é o facto de vivermos um dos mais prolongados períodos de paz geral na história do continente, e uma época geralmente marcada pela expansão da democracia, do progresso económico e social. Mas não podemos aceitar que a Europa se reduza a um projeto com "um grande futuro atrás de si", pois as consequências da alternativa do nacionalismo são tragicamente conhecidas.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)