Inês é morta? Nem por sombras!!!

Filipe Preces

Inês é morta? Nem por sombras!!!

Machadada nas acusações de corporativismo das magistraturas.
  • 0
  • 0
Por Filipe Preces|27.02.16
  • partilhe
  • 0
  • 0
Há acontecimentos que nos suscitam, de imediato, sentimentos ambivalentes. Este, em primeiro lugar, sobressaltou-me e chocou-me.

Indiciava-se o mercadejar da qualidade de magistrado do Ministério Público!

Confesso que, embora não ignore a condição humana de quem se acha investido em semelhantes funções, sempre reputei de hipótese meramente académica que um magistrado do Ministério Público pudesse sequer cogitar, quanto mais alegadamente sucumbir ao pecado da venalidade. Ultrapassado o confronto com a realidade, outra sensação me invadiu e me sossegou. Júbilo não foi o caso, mas quase…

Que notável sintoma de maturidade democrática e de salubridade do sistema de justiça penal e que machadada vigorosa nas quase intermináveis acusações de corporativismo das magistraturas!

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)