Da Web Summit à Feira do Cavalo

João Aranha

Da Web Summit à Feira do Cavalo

A Feira da Golegã teve palco no Arneiro e proporcionou bons negócios.
  • 0
  • 0
Por João Aranha|17.11.16
  • partilhe
  • 0
  • 0

Dois eventos bem programados e promovidos coincidiram no tempo (verão de São Martinho) mas um tanto longe quanto ao lugar, nos seus propósitos e na sua génese. No entanto, se bem rebuscarmos, talvez lhes encontremos outras afinidades de ordem comportamental – ainda que a Web tenha um cunho declaradamente urbano e a dita Feira tenha raízes rurais.

Mas essa não será tarefa para este velho cronista de coisas de toiros e cavalos para quem a tal Web Summit não passará de um ‘fait divers’ que trouxe a Lisboa mais de 50 mil pessoas de 167 países, carregadas de ideias e projetos que podem tornar-se grandes negócios com o amparo das chamadas novas tecnologias e afins. Pessoas que se declararam encantadas com a cidade, com a simpatia dos lisboetas e com as castanhas e a àgua-pé do Bairro Alto.

A Feira do Cavalo voltou a acontecer na Golegã, em tempo de São Martinho, e teve como palco privilegiado o chamado Arneiro, hoje lugar chique para quem ali se desloca para ver ou para ser visto. Esta festa tradicional – que tem como estrela o cavalo lusitano – também conta conta com largos milhares de visitantes. Quase se lhe poderia chamar a ‘Lusitano Summit’,  dada a sua internacionalização e os bons negócios que esta raça proporciona, mercê das suas inigualáveis qualidades de generosidade, docilidade, valentia, beleza e resistência.

Estas qualidades não resultam apenas de projetos ou ideias sacados do computador, mas maioritariamente do engenho e criatividade do homem rural, com base num trabalho sério no manejo da genética.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)