Sub-categorias

Notícia

Por João Pereira Coutinho|16.07.17
Lula da Silva, um dos heróis da esquerda mundial (digo "mundial" porque no Brasil já só restam fanáticos), foi condenado a nove anos e seis meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro. E agora?

Agora, começou o contra-relógio. Se houver condenação em segunda instância antes das eleições, Lula dirá adeus a elas. Se não houver, Lula é o favorito para regressar ao Palácio do Planalto (caso a condenação venha depois da eleição, o presidente será intocável de acordo com a Lei da Ficha Limpa). E que tenciona Lula fazer aos comandos do país?

Ninguém sabe. Mas Lula,aqui e ali, vai deixando umas migalhas: ajustar contas com a canalha ‘golpista’ – jornalistas, políticos, juízes – que manchou a pureza do PT.

Quando Lula foi eleito em 2002, nunca comprei a histeria daqueles que antecipavam um novo Hugo Chávez. Para 2018, e sem o legado de Fernando Henrique, já não ponho as mãos no fogo.

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)