Sub-categorias

Notícia

Por João Pereira Coutinho|03.03.17
  • partilhe
  • 0
  • 0
Teodora Cardoso falou e o país institucional não escondeu o seu escárnio. O défice de 2,1% foi um ‘milagre’, obtido com medidas que não são ‘sustentáveis’ (corte no investimento público, perdões fiscais, etc.)? Eis o óbvio ululante, que os pérfidos ‘mercados’ entendem muito bem.

Fatalmente, o PS e o Presidente da República, que não deviam confundir-se, optaram pelo humor. Carlos César congratula-se por haver especialistas, como a dra. Teodora, que ainda acreditam em milagres na economia. O Presidente, pelo contrário, garantiu ao povo que milagres só em Fátima e que o défice saiu do ‘pêlo’ dos portugueses.

Perante isto, uma só dúvida: o que leva Teodora Cardoso a ficar no Conselho de Finanças Públicas? Um prazer perverso em ser material para piadas? Com a sua idade e currículo, seria mais sensato entregar as chaves. E assistir à comédia política nacional no conforto da arquibancada.
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)