“Apanhados” em Lisboa e... no castelo

José Manuel Freitas

“Apanhados” em Lisboa e... no castelo

Numa penada, Diogo Jota arrumou com Depoitre e Adrián López.
  • 0
  • 0
Por José Manuel Freitas|04.10.16
  • partilhe
  • 0
  • 0
O pouco explicável e muito surpreendente empate do Sporting na visita ao castelo de Guimarães até podia ser a nota dominante da jornada 7 da Liga, mas não! No rescaldo de mais um alargado fim de semana futebolístico, são tantos os temas, que o 3-3 da Cidade Berço é apenas um entre muitos, embora o principal esteja relacionado com a monumental escorregadela leonina. Porque BdC assumiu para si a totalidade das dores que resultaram da perda de mais dois pontos (ilibando Jorge Jesus e jogadores do que de mau fizeram) e dando a conhecer ao País que volta a existir oposição interna na nau verde-e-branca, na sequência do excomungar de muitos dos seus antecessores. E se se juntar que 7 dos 11 golos sofridos foram sem Adrien em campo e que o treinador não se livra do recorrente trauma de esquerda na defesa… Enquanto isso, houve ‘apanhados’ na Luz, com Luís Aurélio protagonista, na tarde em que voltou o capitão, Júlio César regressou ao ‘banco’ e o tricampeão voltou a não sofrer golos, já depois de num repente Diogo Jota ter ‘arrumado’ com Depoitre e Adrián López e recolocado o dragão na rota do título, agora que está morto e enterrado o 4x3x3…
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)