Fim do mundo...

Luís Arriaga

Fim do mundo...

No fundo, era como escolher entre dois camarotes no Titanic.
  • 0
  • 5
Por Luís Arriaga|19.11.16
  • partilhe
  • 5
  • 0
Todos esperavam a vitória de Hillary. A comunicação social e ‘sondadeiros’ puxavam por ela, manipulando a opinião pública! Confesso que aguardava a vitória de Trump como revolta contra o establishment, presidentes, ministros, sindicalistas, grandes empresas, jornais, empresas de sondagens e todos mais que marcam a marcha dos acontecimentos!

A vitória de Trump foi a vitória daqueles que, usando a sua única arma, o voto, decidiram mostrar o cartão vermelho a quem representaria mais do mesmo. Para uns foi a vitória da esperança no restabelecimento de uma América grande e para outros o fim do mundo!

É sabido que todos os impérios têm fim – Pérsia, Atenas, Roma, Espanha e Portugal… Trump, para criar os prometidos empregos, vai ter de proteger a sua economia e revitalizar o aparecimento de milhares de fábricas e empresas que desde os anos setenta, quando começou a invasão de produtos chineses, foram à falência.

Aviso à China, que apostou no establishment, vendendo 70% do que produz aos EUA e aos demais para se cuidarem! Quero lá saber se ganhou Trump ou Hillary. No fundo, era como escolher entre dois camarotes na viagem inaugural do Titanic! Não será o fim do mundo, mas tempos difíceis!
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)