Sub-categorias

Notícia

E os professores?

Mário Nogueira

E os professores?

Se o compromisso não surgir, não resta outra alternativa que não seja lutar.
  • 0
  • 0
Por Mário Nogueira|21.03.17
  • partilhe
  • 0
  • 0
Do ministro da Educação exige-se um compromisso sério com os professores, garantindo que a carreira será descongelada no primeiro dia de 2018, no respeito pelo atual estatuto, sendo antes corrigidas todas as ilegalidades que se arrastam há anos; que o processo de municipalização, antítese de descentralização, não avançará, no respeito pela posição prevalecente nas escolas; que os horários dos professores serão finalmente reorganizados, ficando claramente definidos os conteúdos das componentes letiva e não letiva; que será aprovado um regime de aposentação especial que permita aos docentes acabar a vida profissional com a dignidade merecida; que o governo combaterá a precariedade dos professores com a determinação que afirma no seu programa; que a gestão das escolas será (re)democratizada, para as lideranças serem realmente fortes.

Este compromisso com os professores será fundamental para que as escolas, rompendo com um passado recente, tenham condições para garantir aos alunos um novo perfil. Se o compromisso não surgir, mantendo-se o ministro na sua trajetória ziguezagueante, não resta alternativa aos professores que não seja lutar para que ele não tropece em políticas que afirmava rejeitar.

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)