Recordes para todos os gostos

Miguel Azevedo

Recordes para todos os gostos

O fenómeno dos festivais não abranda e quase todos eles têm tendência para esgotar mais cedo.
  • 0
  • 0
Por Miguel Azevedo|08.07.17
  • partilhe
  • 0
  • 0
O fenómeno dos festivais não abranda e quase todos eles têm tendência para esgotar mais cedo. Todos os anos são batidos novos recordes. O Nos Alive estabeleceu um novo mínimo nacional ao esgotar os bilhetes diários e os passes de três dias a mais de dois meses do seu início. O Marés Vivas, que começa esta semana, abre também portas com o recinto praticamente lotado, sendo este o primeiro ano em que o evento da praia do Cabedelo vende na totalidade e com antecedência os passes e os bilhetes diários para os dois últimos dias.

O SBSR também não se pode queixar. Em dezembro do ano passado já a organização anunciava que todos os bilhetes diários para o primeiro dia (13 de julho), data dos Red Hot Chili Peppers, tinham sido vendidos. Os passes de três dias esgotariam já este ano. Se recuarmos umas semanas, também já os passes para o festival Summer Fest, que decorreu dia 30 de junho e 1 de julho na Ericeira, tinham esgotado antes de tempo. Da mesma forma já tinham voado num ápice os ingressos combinados que davam acesso ao Sumol Summer Fest e que permitem em agosto assistir ao MEO Sudoeste.

A edição deste ano do NOS Primavera Sound também bateu todos os recordes de afluência com 90 mil pessoas. Ou seja, os passes gerais e os bilhetes para o segundo dia do evento estavam esgotados quando o festival começou. Este ano ainda vêm aí, entre outros, o Paredes de Coura, o Vilar de Mouros, o Festival do Crato, o Sol da Caparica, a Festa do Avante, o Músicas do Mundo, o Caixa Alfama e, lá mais para o final do ano, o Misty Fest e o Mexefest. Portugal está na moda, os festivais estão na moda, a música está na moda e a concorrência é cada vez mais apertada. De tal forma que até já há quem tenha anunciado as datas para o próximo ano.

O Nos Alive ainda não terminou e já ‘reservou’ as datas de 12, 13 e 14 de julho de 2018. E os cartazes até já estão na rua.   
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)