Muita parra na OA!

Paula Varandas

Muita parra na OA!

Mudança precisa-se em prol desta honrosa profissão.
  • 0
  • 61
Por Paula Varandas|03.12.16
  • partilhe
  • 61
  • 0
Aproxima-se a segunda volta das eleições para Bastonário da Ordem dos Advogados, entre a atual Bastonária, Elina Fraga (EF) e o candidato Guilherme Figueiredo. Numa eleição onde está em causa o futuro próximo da nobre profissão de Advogado, após muitas tentativas infrutíferas de debate entre os candidatos, lá aceitou a recandidata realizar o mesmo.

Num discurso feito na primeira pessoa e numa atitude desenfreada, a recandidata apresenta o mesmo projeto de há 3 anos, porque não o cumpriu.

Arroga-se da criação do Sistema de Informação da Ordem dos Advogados, mais uma vez e sempre na primeira pessoa, quando, certamente por mero lapso, se esqueceu de referir que o mesmo havia sido criado pelo então Bastonário Rogério Alves, em 2007.

Por outro lado, a criação de Institutos, cujos membros são nomeados pela recandidata EF, que nos termos do Estatuto da OA são órgãos não eletivos, não tendo sido criados com o objetivo de dar ações de formação continuada a Advogados, a recandidata deu-lhes esse destino, injetando-lhes capital e descapitalizando a OA em áreas que seriam bem mais necessárias: deveria ser a própria OA a concretizar essas formações. Mudança precisa-se em prol desta honrosa profissão.
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)