Panem et circenses

Paulo Sargento

Panem et circenses

A agenda mediática nacional trouxe, novamente, à colação o problema da sobrelotação no Sistema Nacional de Saúde.
  • 0
  • 0
Por Paulo Sargento|10.04.18
  • partilhe
  • 0
  • 0

A agenda mediática nacional trouxe, novamente, à colação o problema da sobrelotação no Sistema Nacional de Saúde. Não raramente e, talvez, também, não eficazmente, este tema tem sido abordado, em diferentes situações clínicas, sobre diversas populações e em várias instituições: surtos de doenças infeciosas, idosos, grávidas, hospitais, centros de saúde, etc.

O problema "dos corredores dos hospitais" não é recente e tende, espantosa e incrivelmente, a generalizar-se numa normalidade surda e absurda. Mas, desta vez, é mais sensível: crianças com doença oncológica estão a receber tratamento nos corredores do serviço de Pediatria do Hospital de S. João.

Todos sentimos, seguramente, que se trata de uma afronta civilizacional e de um crime gravíssimo contra as crianças. Quando reconhecemos, na Saúde, um Direito fundamental e apregoamos à boca cheia o Superior Interesse do Menor, não podemos deixar de assumir uma certa hipocrisia coletiva.

Enquanto as crianças sofrem o doloroso tratamento, para uma doença horrível, uma boa parte da Sociedade parece estar imune a este sofrimento, preferindo preocupar-se com as "crises" que afetam uma certa SAD desportiva. Escreveu Juvenal: Panem et circenses, isto é: Pão e Circo. Novos Circos (ainda que arquitetonicamente semelhantes aos antigos coliseus) e novos "bobos sociais" (mas já sem o tradicional gorro medieval) parecem ocupar a mesma parcela que os primeiros ocuparam na antiguidade clássica e o mesmo papel que os segundos ocuparam na idade média. Os políticos continuam a apreciar e a aproveitar (digo-o no duplo sentido – gostam e frequentam; aproveitam e gerem)

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)