Sub-categorias

Notícia

A Catalunha e a Europa

Pedro Santana Lopes

A Catalunha e a Europa

O apelo deste lado da fronteira deve ser de serenidade e diálogo.
  • 0
  • 0
Por Pedro Santana Lopes|03.11.17
  • partilhe
  • 0
  • 0
Os tempos que a Espanha atravessa devem fazer refletir todos os Estados-Membros da União Europeia. Um país com fronteiras definidas, apesar da abertura dentro da Europa, encontra dentro dos seus limites uma enorme clivagem.

A questão da independência da Catalunha é um tema de Espanha. Nós, portugueses, país vizinho e de fortes ligações ibéricas, não devemos emitir juízos de valor, todavia, devemos ser solidários com o Governo de Madrid.

Saúdo a postura institucional quer do Presidente da República, quer do Governo e do primeiro–ministro pela forma como demonstraram solidariedade com o Governo de Madrid e como têm reagido em torno deste processo.

Ao estarmos de fora e sermos confrontados com toda a situação que esta região de Espanha tem vivido, não podemos deixar de ficar estupefactos com a fuga de Carles Puigdemont. Esta saída para a Bélgica tem variáveis a que não podemos ficar indiferentes.
 
Até que ponto esta saída do Presidente do Governo da Catalunha não é uma desilusão para os que acreditam e defendem a independência desta região? Falar em internacionalizar a situação da Catalunha, como Carles Puigdemont fez, é a demonstração de uma fraqueza de argumentos evidente.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)