À beira da felicidade

Tiago Rebelo

À beira da felicidade

É melhor não lhe dar uma oportunidade de se apaixonar.
  • 1
  • 0
Por Tiago Rebelo|26.07.15
  • partilhe
  • 0
  • 1

Era ele que ela queria, e no entanto estragou tudo. De propósito. Ela faz sempre isso e depois chega a casa, atira a carteira para um canto, volta atrás irritada para retirar de lá o maço de tabaco, abre a porta da varanda, encosta-se ao parapeito a fumar furiosamente um cigarro e a convencer-se de que fica melhor sozinha, que não precisa de ninguém. Pelo menos, assim não lhe vai dar a oportunidade de lhe estragar a vida.


Ela já viveu isso uma vez e ainda não se conciliou com o passado. É verdade que lhe disse que o adorava, que eram perfeitos um para o outro, e lamenta se o desiludiu, mas só ela sabe como é melhor não lhe dar uma oportunidade de se apaixonar ou, pior ainda, cair na asneira de se apaixonar por ele.


Deixou-o pendurado, paciência, antes afastar-se agora do que sofrer depois.


Sim, desiludiu-o, e ele não imagina o motivo, porque nem sequer lhe deu a possibilidade de conversarem. Simplesmente fugiu dele, fechou-se em casa, desligou o telefone. É melhor assim, está sempre a dizer a si própria, apesar de se sentir triste, de lhe correr uma lágrima pela cara, que afasta com as costas da mão enquanto volta para dentro e apaga o cigarro expeditamente num cinzeiro, antes de respirar fundo, recompor-se, ir tratar de alguma coisa que a ocupe para não pensar mais no assunto.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De Drluis26.07.15
    Crônica muito inteligente!!!!!!!<br/>Bem haja.....
1 Comentário
  • De Drluis26.07.15
    Crônica muito inteligente!!!!!!!
    Bem haja.....
    Responder
     
     0
    !

Subscrever newsletter

newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)